Arquivo da categoria: Brasil

Posts sobre localidades no Brasil.

OLINDA, RIQUEZA CULTURAL/OLINDA – KULTURELLER REICHTUM/OLINDA – CULTURAL WEALTH

Quando Erich e eu elaboramos o livro 66 x Brasil nós selecionamos um mosaico de cenários do Brasil cheio de cores e belezas. Dentre esses lugares, vale ressaltar a riqueza cultural de Olinda, que tem seu centro histórico considerado pela UNESCO como Patrimônio Mundial da Humanidade, desde 1982. Esse é o tema do nosso blog dessa semana.

Olinda foi capital de Pernambuco até 1827, foi dominada pelos holandeses, incendiada e depois reconstruída. A distância entre Olinda e Recife é de apenas 15,4 km. Por isso, se você se interessa por bens culturais e estiver planejando uma viagem pelo nordeste do Brasil vale a pena incluir Olinda no seu roteiro.

A cidade é emoldurada pela vegetação e pelo Oceano Atlântico. Seu acervo arquitetônico é oriundo de várias épocas, destacando-se os monumentos religiosos do século XVI. Não é difícil circular no centro histórico de Olinda, mas tenha consciência que você vai subir ladeiras,

como a Ladeira de São Francisco…Visite também a esquina dos Quatro Cantos, coração do Carnaval de Olinda.

Erich e eu já visitamos Olinda várias vezes e sempre é um prazer passear pelas ruas estreitas, apreciar seus monumentos históricos e comer uma tapioca recheada de queijo no Alto da Sé. Hum, fiquei agora com água na boca…

Eu, como arquiteta, gosto muito de estar no centro histórico de Olinda, ver aqueles edifícios que guardam tantas histórias. Dentre eles, ressalto a bela Igreja e Mosteiro de São Bento

a Igreja do Carmo

e a Igreja e Convento Franciscano de Nossa Senhora das Neves.

Capela dedicada a São Roque

Além desses monumentos, vale a pena observar o traçado urbano da área histórica, com suas ruas estreitas e becos com seu casario antigo.

Olinda também é famosa devido seu animado Carnaval,

quando atrai milhares de foliões, com programação diversificada e onde destaca-se o famoso desfile dos Bonecos Gigantes.

Se você é uma pessoa que gosta de Carnaval, então vai aproveitar muito passar essa festa por lá. Se não, deixe para visitar a cidade em uma data distante da Festa de Momo, quando a cidade está mais tranquila.

Olinda tem praias também, mas, o que mais atrai os visitantes é o importante acervo cultural.

Quando queremos visitar Olinda, viajamos para nos hospedar lá, pois a cidade dispõe de bons hotéis,

restaurantes e bares. Além disso, sempre tem algum evento interessante para participarmos.

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

OLINDA – KULTURELLER REICHTUM

Als Erich und ich am Buch 66 x Brasilien arbeiteten, stellten wir uns immer ein brasilianisches Mosaik voller Farben und Schönheiten vor. Unter diesen Orten ist der kulturelle Reichtum von Olinda erwähnenswert, das seit 1982 zum UNESCO –  Weltkulturerbe zählt. Dies soll das Thema unseres Blogs in dieser Woche sein.

Olinda war bis 1827 die Hauptstadt von Pernambuco, es wurde von den Niederländern dominiert, verbrannt und dann wieder aufgebaut. Die Entfernung zwischen Olinda und Recife beträgt nur 15,4 km.

Falls Sie sich also für Kulturgüter interessieren und eine Reise durch den Nordosten Brasiliens planen, dann lohnt es sich jedenfalls, Olinda in Ihre Reisepläne aufzunehmen.

Die Stadt ist von reicher Vegetation und dem Atlantik eingerahmt.

Das architektonische Erbe stammt aus stammt aus verschiedenen Epochen mit den herausragendsten religiösen Monumenten des 16. Jahrhunderts.

Es ist nicht schwierig, sich im historischen Zentrum von Olinda zu orientieren und fortzubewegen. Beachten Sie jedoch, daβ Sie  Hügel erklimmen werden müssen,

beispielsweise den Ladeira de São Francisco… Besuchen Sie auch die Ecke Quatro Cantos,  das Herz des Karnevals von Olinda.

Erich und ich haben Olinda mehrmals besucht und es ist immer ein Vergnügen, durch die engen Gassen zu schlendern, die historischen Monumente zu genießen und bei der Kirche Alto da Sé eine mit Käse gefüllte Tapioka (eine Art brasilianische Crepe) zu essen. Hmmm, mir läuft nun gerade das Wasser im Munde zusammen.

Als Architektin genieße ich es wirklich sehr, im historischen Zentrum von Olinda zu sein und die Gebäude zu sehen, in denen so viel Geschichte steckt.

Unter ihnen sind die wunderschöne Kirche und das Kloster von São Bento

sowie die Franziskanerkirche, Carmo-Kirche

und das Kloster von Nossa Senhora das Neves hervorzuheben.

São Roque Chapel

Neben diesen Denkmälern lohnt es sich, die städtebauliche Gestaltung des historischen Stadtteils mit seinen engen Straβen und Gassen mit all seinen alten Häusern auf sich wirken zu lassen.

Olinda ist auch berühmt für seinen lebhaften Karneval,

der Tausende von Karnevalfans und Nachtschwärmer anzieht, mit einem abwechslungsreichen Programm und der berühmten Parade der Bonecos Gigantes (Riesenpuppen).

Falls Sie eine Person sind, die den Karneval mag, dann werden Sie diese Riesenparty dort sehr genieβen. Falls nicht, besuchen die Stadt auβerhalb der Periode des Festa de Momo, wenn die Stadt also ruhiger ist.

Olinda hat auch schöne Strände, aber was die meisten Besucher anzieht, ist das wichtige Kulturerbe der Stadt.

Wir reisen gerne nach Olinda, die Stadt offeriert gute Hotels,

Restaurants und Bars. Außerdem finden oft interessante Veranstaltungen statt.

Hinweis: Falls Sie unserem  Blog folgen wollen, dann klicken Sie unten rechts einfach auf “Weiter”, Sie werden dann zukünftig automatisch informiert. Sie können auch durch Brasilien reisen und unser Buch 66 SEHENSWÜRDIGKEITEN IN BRASILIEN  kennenlernen.

OLINDA – CULTURAL WEALTH

When Erich and I were working on the book 66 x Brazil we always imagined a Brazilian mosaic full of colors and beauties.

Among these places worth mentioning is the cultural wealth of Olinda, which has been a UNESCO World Heritage Site since 1982. This should be the topic of our blog this week.

Olinda was until 1827 the capital of Pernambuco, it was dominated by the Dutch, burned and then rebuilt. The distance between Olinda and Recife is only 15.4 km.

So, if you are interested in cultural goods and planning a trip through the northeast of Brazil, then it is definitely worth to include Olinda in your travel plans.

The city is framed by rich vegetation and the Atlantic Ocean.

The architectural heritage dates back to different periods with the most outstanding religious monuments of the 16th century.

It is not difficult to orient yourself in the historical center of Olinda and to move on. Note, however, that you’ll need to climb hills

such as the Ladeira de São Francisco … Visit too the corner of Quatro Cantos, the heart of Olinda’s carnival.

Erich and I visited Olinda several times and it is always a pleasure to stroll through the narrow streets, to enjoy the historic monuments and to eat a cheese-filled tapioca (a type of Brazilian crepe) at the church of Alto da Sé. Hmmm, my mouth is watering now.

As an architect I really enjoy being in the historical center of Olinda and seeing the buildings that have so much history.

Among them are the beautiful church and the monastery of São Bento,

Carmo Church

  and the Franciscan church and the monastery of Nossa Senhora das Neves.

São Roque Chapel

In addition to these monuments it is worth to absorb the urban design of the historic district with its narrow streets and alleyways with all its old houses.

Olinda is also famous for its lively Carnival,

which attracts thousands of carnival fans and night owls, with a varied program and the famous parade of Bonecos Gigantes (Giant Dolls).

If you are a person who likes the carnival then you will really enjoy this huge party there. If not visit the city outside the period of the Festa de Momo when the city is quieter.

Olinda also has beautiful beaches, but what attracts most visitors is the city’s important cultural heritage.

We like to travel to Olinda, the city offers good hotels,

restaurants and bars. In addition always interesting events take place there.

Note: If you want to follow our “Travels” on the blog, simply click on “Seguir” in the lower right corner, you will be then automatically informed in the future. You can continue traveling with us with our book Brazil´s 66 Beautiful Sites. 

VOCÊ JÁ VISITOU O INSTITUTO LUDOVICUS EM NATAL? SE NÃO, VAI SABER AGORA O QUE ESTÁ PERDENDO…

Existem pessoas que passam por essa vida para deixar marcas, contribuições que são relevantes para a cultura de uma cidade, de uma região e até de um país.  Câmara Cascudo é uma dessas pessoas, ele deixou um legado importante para a cultura nacional.

Luís da Câmara Cascudo nasceu em Natal em 1898 e faleceu em 1986. Desde que comecei a entender um pouco do mundo, minha mãe sempre me falava da importância desse potiguar que foi jornalista, escritor e folclorista.

Para quem estuda o folclore e a cultura popular brasileira, sabe muito bem do importante trabalho realizado por esse estudioso.  Entre livros, ensaios e opúsculos publicou mais de 230, dentre os quais, o famoso Dicionário do Folclore Brasileiro, obra referência na área.

Se você se interessa por esse campo de estudos e admira a obra de Câmara Cascudo, vale a pena se programar para visitar a casa onde ele viveu desde 1947 até 1986, quando faleceu aos 87 anos.

Erich e eu tivemos o prazer de visitar sua casa, hoje transformada no Ludovicus – Instituto Câmara Cascudo criado pela família com o propósito de preservar, divulgar, administrar e capitalizar o patrimônio cultural deixado pelo eminente folclorista. Graças a um trabalho incansável da família o seu legado está sendo muito bem cuidado.

O primeiro aspecto que me chamou a atenção quando entramos na residência de Câmara Cascudo foi a própria edificação e seu projeto de restauração e ampliação muito bem elaborado. Ela foi construída em 1900, com o piso de assoalho no interior e belo ladrilho hidráulico nas áreas externas, as portas internas com bandeiras (parte acima da porta) trabalhadas em ferro em formato de coração.

Se você visitar essa casa, observe o lambrequim (rendilhado de madeira, que dá acabamento aos beirais do telhado, comum em construções europeias da zona alpina, os chalés), que ornamenta a cobertura.

E o mobiliário? Uma belezura! A cadeira de balanço que ele sentava e fumava seu charuto (Erich sentou nela e gostou tanto do balanço),

a namoradeira ao lado do piano, que linda!

As pinturas, desenhos e gravuras que ornamentam o interior, pedem uma olhada cuidadosa.

Os objetos de decoração são também especiais, como o relógio com traços art nouveau

e a xícara exclusiva para quem tem bigode.

Tem também objetos pessoais do escritor

além de peças de cultura popular e outras de diferentes origens.

A casa é um museu que deve ser visitado sem pressa e escutando a bela explicação de Woldney Ribeiro de Souza, profissional responsável pela restauração dos livros e gerenciamento do acervo documental.

Erich e Woldney

O Ludovicus possui uma rica biblioteca que pertenceu a Câmara Cascudo. Uma verdadeira preciosidade!

Outro aspecto que chamou me atenção foram as assinaturas de pessoas ilustres nas paredes da sala onde ele recebia visitantes, a primeira que vi foi a do músico e famoso compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos, vi também a de Juscelino Kubitschek, Gilberto Freire, dentre outros.

O Ludovicus abriga também exposições. No dia em que visitamos essa instituição apreciamos também a exposição denominada “Onde o português não pode ser estrangeiro”, uma parceria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e a Universidade de Coimbra. Essa mostra permanecerá aberta ao público até o dia 01 de dezembro de 2018.

Quando Erich e eu saímos de lá, eu fiquei pensando e admirando ainda mais a família de Câmara Cascudo, especialmente Daliana Cascudo, presidente do Ludovicus, e Woldney, que nos receberam.

Da esquerda para a direita: Erich, eu, Daliana (segurando o nosso Guia das Belezas do Rio Grande do Norte)e Woldney

Como eles se dedicam de coração a preservar a obra desse eminente folclorista! Tenho certeza que não é um trabalho fácil, ainda bem que existem pessoas que acreditam que vale a pena preservar as obras importantes para que outras gerações possam aprender e valorizar um bem como esse.

Se você vier a Natal ou se você é mora em Natal e se interessa por arte, cultura e pela obra de Câmara Cascudo, recomendo a visita ao Instituto Ludovicus! Leia mais sobre essa instituição aqui.

Foto: Woldney

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você pode conhecer mais sobre o Rio Grande do Norte através do nosso livro Guia das Belezas do Rio Grande do Norte e também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

HABEN SIE BEREITS DAS LUDOVICUS-INSTITUT IN NATAL BESUCHT? FALLS NICHT, ERFAHREN SIE NUN, WAS SIE VERPASST HABEN…

Es gibt Menschen, die durch dieses Leben gehen, um Spuren zu hinterlassen, Beiträge, die für die Kultur einer Stadt, einer Region und sogar eines Landes relevant sind. Câmara Cascudo ist einer dieser Menschen, er hat der nationalen Kultur Brasiliens ein wichtiges Erbe hinterlassen.

Luís  da Câmara Cascudo wurde 1898 in Natal geboren und starb 1986. Seitdem ich begann ein bisschen von dieser Welt Dinge zu verstehen, erzählte mir meine Mutter immer von der Bedeutung dieses Potiguars, der Journalist, Schriftsteller und Folklorist in einem war.

(Potiguar nennt man einen Bewohner von Rio Grande do Norte)

Hinweis: Falls Sie unserem  Blog folgen wollen, dann klicken Sie unten rechts einfach auf “Weiter”, Sie werden dann zukünftig automatisch informiert. Sie können auch durch Brasilien reisen und unser Buch 66 SEHENSWÜRDIGKEITEN IN BRASILIEN  kennenlernen.

HAVE YOU ALREADY VISITED THE LUDOVICUS INSTITUTE IN NATAL? IF NOT, YOU WILL UNDERSTAND NOW WHAT YOU HAVE MISSED …

There are people who go through this life to leave their marks, contributions that are relevant to the culture of a city, a region and even a country. Câmara Cascudo is one of these people, he has left an important legacy to the national culture of Brazil.

Luís  da Câmara Cascudo was born in Natal in 1898 and died in 1986. Ever since I started to understand a bit of this world’s things, my mother always told me about the importance of this potiguar who was journalist, writer and folklorist in one.

(Potiguar is called a resident of Rio Grande do Norte)

Note: If you want to follow our “Travels” on the blog, simply click on “Seguir” in the lower right corner, you will be then automatically informed in the future. You can continue traveling with us with our book Brazil´s 66 Beautiful Sites. 

 

 

TIRADENTES, PRECIOSIDADE MINEIRA

O nosso Brasil cheio de cores e belas paisagens possui cidadezinhas incríveis com um rico patrimônio histórico que valem a visita! Tiradentes, localizada a aproximadamente 195 km (em torno de 3 horas e 20 minutos) de Belo Horizonte é uma delas. O lugar é charmoso, tem eventos que atraem milhares de visitantes e é um destino amado pelos mineiros. Tiradentes, com aproximadamente 7000 mil habitantes, integra o conhecido circuito turístico de Minas Gerais denominado “Trilha dos Inconfidentes” da região da Estrada Real.

Fonte: Google Maps

Tiradentes, fundada por volta de 1702, possui um rico conjunto arquitetônico e urbanístico, no qual se destacam a Igreja de Nossa Senhora do Rosário e a Matriz de Santo Antônio,

sendo que o frontispício* dessa igreja foi um dos últimos trabalhos do grande Aleijadinho.  Além desses monumentos há outros edifícios interessantes como a Capela do Bom Jesus da Pobreza, o Chafariz de São José, dentre outros.

A cidade já serviu de locação para as minisséries Hilda Furação, Memorial de Maria Moura, do filme Menino Maluquinho, das novelas Coração de Estudante. As ruas de Tiradentes aparecem na mais nova novela Global “Espelho da Vida”. Algumas cenas do filme “Chico Xavier também foram filmadas lá.

O coração da cidade está localizado no Largo das Forras onde estão localizadas pousadas, lojas, restaurantes em seu entorno. É muito agradável caminhar nessa área, você pode até fazer um passeio de charrete.

Tiradentes atrai muitos turistas no mês de janeiro quando é realizado o famoso Festival de Cinema. Em agosto é realizado o Festival Gastronômico.

 

Erich e eu estivemos em Tiradentes para captar imagens para nosso livro 66 x Brasil e eu, como arquiteta, fiquei encantada, é um lugar para você sempre voltar para passear naquelas ruas que nos transportam para uma outra época.

Realizamos um passeio muito agradável no trem Maria Fumaça que realiza uma viagem de 12 km entre Tiradentes e São Del Rey, cidade do presidente Tancredo Neves, onde visitamos a bela Igreja de São Francisco de Assis e passeamos pelo centro histórico.

No entorno de Tiradentes, na região do Campo das Vertentes (Ritápolis, Resende Costa, Bichinho, Carrancas, entre outras), há possibilidade de se realizar atividades de ecoturismo como a visita a grutas, realização de trilhas, rapel, passeios de bicicletas, além de outros.

Tiradentes é definitivamente um destino brasileiro que vale a visita, principalmente para os que apreciam história e cultura.

*Frontíspicio – fachada ou frente de um edíficio.

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

SERRA DE SÃO BENTO E ARREDORES, A BELEZA DAS PEDRAS

O Rio Grande do Norte é um estado brasileiro localizado no nordeste do Brasil e é famoso pelas suas belas praias.

Os turistas visitam a terra potiguar atraídos pelo sol e pelas águas mornas do Oceano Atlântico. Mas, neste post não vou escrever sobre as belezas das praias, mas, sim, de uma região localizada no sul do estado, no limite entre Rio Grande do Norte e a Paraíba: trata-se da Serra de São Bento e seus arredores.

O município de Serra de São Bento está localizado a 109 km de Natal e é caracterizado por possuir relevo ondulado e montanhoso.

A Serra de São Bento integra o Planalto da Borborema, está localizada a 401 metros de altitude e possui uma população de 5000 mil habitantes, aproximadamente. Esse destino é caracterizado por possuir belas formações rochosas que servem de cenário para a realização de trilhas, de prática de rapel e de ciclismo.

Serra de São Bento é bastante visitada durantes os meses de junho, julho e agosto, quando a temperatura cai um pouco em relação à temperatura de Natal. A temperatura média anual no mês de julho é de 21,1º C. Os natalenses gostam de visitar a Serra de São Bento para curtir um “friozinho”. No mês de agosto ocorre um Festival de Inverno.

Erich e eu já havíamos visitado a Serra de São Bento para captar imagens para nosso Guia das Belezas do Rio Grande do Norte (que já se encontra na sua 2ª. edição). Retornamos para passar um final de semana e rever as belezas da região. A subida da serra está florida, foram plantadas Buganvílias avermelhadas, que dão um charme especial ao caminho. Quando você chega na sede do município há também muitas dessas espécies vegetais floridas ao lado do lago Valdemar Carolino.

Nos hospedamos na Pousada Villas da Serra, onde pudemos visitar a Pedra da Mata,  se tem uma vista linda das formações rochosas do lugar, além de ter uma visão incrível do Parque Estadual da Pedra da Boca

e visitamos o Tanque de Boi, local de rara beleza.

Nas noites do sábado, vale a pena conhecer o Bar do Sapo, localizado ao lado da pedra de mesmo nome. Para quem está hospedado nessa pousada, o acesso é livre. Para quem não está, é cobrado um valor (R$ 80,00 por adulto, 40,00 para pessoas com idade entre 8 a 14), que é revertido completamente para consumo. Achamos que o lugar é realmente muito especial, lindo!!!

Dentre as trilhas existentes na Serra de São Bento, vale a pena realizar as trilhas do Alto da União, onde existe um cruzeiro e você pode apreciar a Pedra da Trouxa,

Pedra da Trouxa, foto cedida pela condutora de turismo Nazareth Neves.

além de ter uma visão deslumbrante da cidade. Tem a trilha da Pedra do Empurrão, outra formação rochosa espetacular. Tem a Pedra do Sino, que ao batermos nela emite um som que parece com uma badalada de um sino…

Pedra do Sino, foto cedida pela condutora de turismo Nazareth Neves.

Outro lugar famoso é a Loca das Almas, local envolto por lendas, onde foi encontrado artefatos indígenas.

Além desses passeios, você também pode visitar o Parque Estadual Pedra da Boca

e o Santuário de Nossa Senhora de Fátima (mesmo que você não seja religioso, vale a visita porque o lugar é muito bonito emoldurado com as formações rochosas), que está localizado no município de Araruna, Paraíba.

Aliás, há uma estradinha que liga a rodovia RN-269, acesso à São Bento, ao referido santuário que é bem pitoresca, de terra

e ladeada de vegetação Caatinga Hipoxerófila, típica de clima semiárido, com espécies como o juazeiro, mandacaru, aroeira, dentre outros.

Percorremos esse caminho à tarde quando os raios solares tornaram o verde da vegetação mais intenso, as cores pareciam mais vivas, foi realmente espetacular!

Outro tour que pode ser realizado, é almoçar em um dos restaurantes localizados nas margens da RN- 269, antes de chegar a sede do município de Monte das Gameleiras (distante 12 km de Serra de São Bento), de onde se tem uma vista bonita da região. Há pousadas e restaurantes.

Finalmente, gostaria de dizer que a visita à Serra de São Bento é recomendada principalmente quando a temperatura está mais amena. Na nossa opinião, esse destino é sugerido para um final de semana. E para finalizar, tome um cafezinho com uma tapioca recheada no Café Serrano, de Adriana, que decorou o lugar com muito carinho, uma delícia…Quando sentei na mesa do lado de fora do café para comer a tapioca observei que todos que passavam, nos cumprimentavam, diziam boa tarde…infelizmente esse costume se perdeu nas cidades grandes, nesse momento, me lembrei de como é bom estar em um lugarzinho como esse…

Nota:

– a sinalização existente que conduz o visitante desde Passe e Fica até o café Serrano na Serra de São Bento foi muito bem elaborada, considerando-se que a sinalização das rodovias que conduzem à Serra de São Bento é  quase inexistente;

– você pode chegar em Serra de São Bento saindo de Natal e passando por Tangará ou passando por Goianinha, veja o mapa.

Fonte: Google Maps.

– Condutoras  turísticas e agencia de turismo em Serra de São Bento:

Maria de de Nazaré Gomes das Neves:Tel:(84)988155240, Janine Feliciano Ramos: Tel: 987952722 e Serrastur Viagens e Turismo: 32890211

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

 

 

 

CENTRO HISTÓRICO DE GOIÁS/DAS HISTORISCHE ZENTRUM VON GOIÁS/THE HISTORICAL CENTER OF GOIÁS

O Brasil é um país rico em belezas. Há uma grande diversidade de atrativos turísticos, com destaque para os naturais e histórico-culturais. Quando Erich e eu estávamos captando imagens para o nosso livro 66 x Brasil, tivemos o prazer de visitar os 14 bens inscritos na Lista do Patrimônio Mundial da UNESCO.

Dentre esses bens, vamos destacar nessa postagem o Centro Histórico da cidade de Goiás, pérola situada na região centro-oeste do Brasil.

 

Localização do estado de Goiás no Brasil/Lage des Bundesstaates Goiás in Brasilien/Location of Goiás State in Brazil

A cidade é conhecida como Goiás Velho e para os mais próximos também e denominada de “Goiás Belo” e é mesmo, pois a cidadezinha com 25 mil habitantes é charmosa, emoldurada pela Serra Dourada

e banhada pelo Rio Vermelho, vale uma visita de uns dois dias. São 140 km de distância entre Goiás Velho e a capital Goiânia.

Fonte/Quelle/Source: Google Maps

A cidade de Goiás Velho foi fundada pelo bandeirante Bartolomeu Bueno da Silva Filho durante o século XVIII, no ciclo do ouro, com o nome de Vila Boa de Goiás e foi capital do estado de Goiás até 1930.

O conjunto arquitetônico do centro histórico de Goiás comprova a adaptação das técnicas de construção trazidas pelos bandeirantes paulistas às condições locais, onde foram utilizados materiais da própria região, sendo essa uma das principais razões pelas quais o centro histórico passou a integrar a lista da UNESCO em 2001.

A visita a cidade de Goiás é para ser realizada com um belo passeio à pé pelo seu centro, com suas ruas sinuosas, onde é possível apreciar o casario histórico (existe quase 500 edifícios),

com seus detalhes arquitetônicos,

visitar a Igrejas de São Francisco de Paula,

de Nossa Senhora da Boa Morte (onde o funciona o Museu de Arte Sacra), de Nossa Senhora do Carmo, de Santa Bárbara (localizada no alto de um morro,

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

são 100 degraus para chegar lá,

mas, tem uma vista linda da cidade), de Nossa Senhora do Rosário, de Nossa Senhora d´Abadia, o Chafariz da Boa Morte,

o Palácio do Conde dos Arcos, o Museu das Bandeiras onde é possível conhecer um pouco da história da presença dos bandeirantes na região.

Lembro que no final da nossa caminhada, sentamos em um banquinho da Praça do Coreto e ficamos apreciando a tranquilidade de uma cidade do interior.

Para quem é gosta de poesia, vale a pena visitar a casa de Cora Coralina, na ponte da Lapa, conhecer o local onde a poetisa escrevia sua obra e também fazia seus doces, afinal ela era uma doceira de mão de cheia.

Se você for visitar Goiás, inclua no seu roteiro realizar trilhas no Parque Estadual da Serra Dourada, curtir a natureza! A trilha que conduz a Cachoeira das Andorinhas é famosa! Você também pode ver o por do sol do alto do Morro das Lajes.

Para finalizar, não esqueça de provar um pastelinho (com casca crocante e recheio de doce de leite)

Fonte/Quelle/Source: http://www.receitaculo.com/receita/20234/

e comer um empadão goiano,hum…delícia!

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

DAS HISTORISCHE ZENTRUM VON GOIÁS

Brasilien ist ein Land reich an Schönheiten. Es existiert eine große Vielfalt an touristischen Attraktionen mit Schwerpunkt der    natürlichen und den historisch-kulturellen. Als Erich und ich die Fotos für unser Buch 66 x Brasilien machten, hatten wir auch das groβe Vergnügen, den 14 Orten einen Besuch abzustatten, die in der UNESCO Welt-Kultur-Erbeliste eingetragen sind.

Unter all diesen warden werden wir diesen heutigen Beitrag der Altstadt Goias widmen, der Perle in der Region Mittelwesten Brasiliens.

Localização do estado de Goiás no Brasil/Lage des Bundesstaates Goiás in Brasilien/Location of Goiás State in Brazil

Die Stadt ist als Goiás Velho (altes Goiás) bekannt und Nachbarn nennen es auch „Goiás Belo“(schönes Goiás) genannt wegen der schönen Lage der Stadt mit seinen 25.000 Einwohnern, eingerahmt von den Bergen der Serra Dourada

am Fluss Rio Vermelho gelegen. Ein mehrtägiger Besuch lohnt sich allemal. Es sind 140 km von Goiás  zur Hauptstadt des Bundeslandes, Goiânia.

Fonte/Quelle/Source: Google Maps

Die Stadt Goiás Velho wurde vom Pionier Bartolomeu Bueno da Silva Filho während des achtzehnten Jahrhunderts, dem Gold-Zyklus mit dem Namen Vila Boa von Goiás gegründet sie und sie war die Hauptstadt des Bundesstaates Goias bis1930.

Das architektonische Ensemble des historischen Zentrums von Goiás beweist die Anpassungfähigkeiten der angewandten Techniken von den Pionieren aus  São Paulo an die örtlichen Gegebenheiten. All die Konstruktionen mit den Materialien aus der Region sind einer der Hauptgründe, warum das historische Zentrum 2001 Eingang in die UNESCO-Liste fand.

Der Besuch in der Stadt Goiás lässt sich mit einem schönen Spaziergang durch sein Zentrum mit seinen gewundenen alten Straßen verbinden. Sie sehen das historische Zentrum mit fast 500 Gebäuden

mit all seinen architektonischen Details.

Besuchen Sie die Kirchen Igrejas de São Francisco de Paula,

de Nossa Senhora da Boa Morte (wo sich das Museum für sakrale Kunst befindet), die Kirchen Nossa Senhora do Carmo und Santa Bárbara, oben auf einem Hügel gelegen

und mit 100 Treppenstufen zu erreichen,

aber es belohnt mit einem schönen Blick auf die Stadt. Weiterhin besuchenswert die Kirchen Nossa Senhora do Rosário, de Nossa Senhora d´Abadia, der Brunnen da Boa Morte (des guten Todes),

der Palast des Grafen Palácio do Conde dos Arcos und das Museum der Fahnen (Museu das Bandeiras), wo man mehr über die Geschichte der Präsenz der Pioniere in der Region erfahren kann.

Ich erinnere mich, dass wir am Ende unseres Spazierganges beim Musikpavillon auf dem Coreto-Platz gesessen haben und die Ruhe dieser ländlichen Stadt genossen haben.

Für diejenigen, die Poesie mögen, lohnt es sich, das Haus von Cora Coralina bei der Brücke Ponte da Lapa zu besuchen, den Ort kennenzulernen, wo die Dichterin schrieb und auch ihre Süßigkeiten herstellte, letztendlich war sie eine Konditorin.

Falls Sie nach Goiás fahren verpassen Sie es nicht auf ihrer Route   in den Bergen im Park der Serra Dourada eine Tour zu unternehmen – genießen Sie die Natur! Der Weg, der zum  Wasserfall Cachoeira das Andorinhas führt, ist berühmt! Sie können auch den Sonnenuntergang vom Gipfel des Morro das Lajes genießen.

Zum Schluss, vergessen Sie es nicht, einen kleinen Kuchen (mit krokanter Hülle und einer leckerer Füllung mit Dulce de Leche) zu probieren

Fonte/Quelle/Source: http://www.receitaculo.com/receita/20234/

und eine Goiano Fleischpastete zu essen, hum … lecker!

 

Hinweis: Falls Sie unserem  Blog folgen wollen, dann klicken Sie unten rechts einfach auf “Weiter”, Sie werden dann zukünftig automatisch informiert. Sie können auch durch Brasilien reisen und so unser Buch 66 SEHENSWÜRDIGKEITEN IN BRASILIEN  kennenlernen.

THE HISTORICAL CENTER OF GOIÁS

Brazil is a country rich in beauties. There is a great variety of tourist attractions with a focus on natural and historical-cultural ones.

When Erich and I made the photos for our book 66 x Brazil we also had the great pleasure of visiting the 14 places listed in the UNESCO World Cultural Heritage List.

Among all these places, we will dedicate today’s contribution to Goias Old Town, the pearl of the Midwestern Brazil.

Localização do estado de Goiás no Brasil/Lage des Bundesstaates Goiás in Brasilien/Location of Goiás State in Brazil

The city is known as Goiás Velho (Old Goiás) and neighbors call it too “Goiás Belo” (Beautiful Goiás), so called because of the beautiful location of the city with its 25,000 inhabitants, framed by the mountains of the Serra Dourada

on the River Rio Vermelho. A multi-day visit is well worth it. It is 140 km from Goiás to the capital of the state, Goiânia.

Fonte/Quelle/Source: Google Maps

The Town of Goiás Velho was founded by the pioneer Bartolomeu Bueno da Silva Filho during the eighteenth century, the golden cycle called then Vila Boa of Goias and the town was the capital of the state of Goias until 1930.

The architectural ensemble of the historical center of Goiás proves the adaptability of applied techniques of the pioneers from São Paulo to the local conditions. All the constructions with materials from the region are one of the main reasons why the historical center was included in the list of UNESCO in 2001.

A visit to the town of Goiás can be combined with its winding old streets with a nice walk through its center. You will see the historic center with almost 500 buildings

with all its architectural details.

Visit the Churches of São Francisco de Paula,

Nossa Senhora da Boa Morte (where the Museum of Sacred Art is located), the churches of Nossa Senhora do Carmo and Santa Bárbara, located up on a hill

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

and reached by 100 steps,

it rewards then with a nice view of the city. Also worth visiting are the churches Nossa Senhora do Rosário, Nossa Senhora d’Abadia, the fountain da Boa Morte (fountain of the good death),

the Palace Palácio do Conde dos Arcos and the Museum of the Banners (Museu das Bandeiras), where you can find more information about the history of the presence of the pioneers in the region.

I remember that at the end of our walk we sat at the music pavilion on the Coreto Square and enjoyed the tranquility of this rural town.

For those who like poetry, it is worth visiting the house of Cora Coralina at the Bridge Ponte da Lapa, getting to know the place where the poet wrote and also made her sweets, and in the end she was a pastry chef.

If you go to Goiás do not miss out on your route in the mountains   the Serra Dourada park – to enjoy nature! The path that leads to the waterfall Cachoeira das Andorinhas is famous! You can also enjoy the sunset from the top of Morro das Lajes.

Finally, do not forget to try a cupcake (with a crunchy shell and a delicious filling of dulce de leche)

Fonte/Quelle/Source: http://www.receitaculo.com/receita/20234/

and a goiano meat pie, yum … delicious!

Note: If you want to follow our “Travels” on the blog, simply click on “Seguir” in the lower right corner, you will be then automatically informed in the future. You can continue traveling with us with our book Brazil´s 66 Beautiful Sites. 

PARQUE ESTADUAL DE VILA VELHA

Os monumentos geológicos com suas marcas e formas tem muito o que nos contar sobre a evolução da terra, sobre os processos ocorridos na face do nosso planeta e isso definitivamente me encanta.

Erich e eu gostamos de visitar áreas naturais que dizem muito através de suas formas e cores. Durante a elaboração do nosso livro 66 x Brasil tivemos o prazer de conhecer lugares incríveis no nosso Brasil privilegiado com paisagens fascinantes.

Nesse post vamos tratar sobre a beleza espetacular do Parque Estadual Vila Velha localizado no estado do Paraná, administrado pelo Instituto Ambiental do Paraná, no município de Ponta Grossa, nas margens da rodovia BR-376, km 515.

Essa Unidade de Conservação está distante 20 km do centro de Ponta Grossa e 94 km de Curitiba, o que corresponde a aproximadamente 1 hora e 15 minutos de automóvel e de 2 horas e 15 minutos de ônibus.

O Parque Estadual de Vila Velha compreende uma área de 3.122,11 hectares e possui um conjunto de formações rochosas, esculturas naturais com altura de até 30 metros que assumem formas diferentes e de acordo com a imaginação popular, algumas possuem nomes que lembram suas formas como é o caso da famosa “Taça”, são os arenitos.

Além dessas formações, existe no parque as furnas, que são depressões que parecem com crateras, com diâmetro médio de 80 metros.

A primeira dica importante é sobre o horário para chegar no parque. Procure chegar cedo, o parque abre as 8:00 e fecha às 15:30. Por isso, procure chegar no inicio da manhã ou no começo da tarde para melhor aproveitar a visita.

Durante a visita a essa unidade de conservação, você vai contemplar a paisagem, as incríveis formações rochosas,

a flora,

fauna e também pode participar de atividades de educação ambiental quando agendado previamente com a administração do parque, que dispões de três trilhas abertas ao público, são autoexplicativas, mas, a presença de um guia de turismo é obrigatória. Quando você chega ao parque, deve dirigir-se ao centro de visitantes onde são repassadas informações gerais sobre a visita e onde você compra o ingresso, além de ver um vídeo explicativo. De lá, os visitantes são conduzidos em um veículo do parque aos locais a serem visitados. As trilhas são as seguintes, todas com grau de dificuldade leve:

Trilha Arenitos e Bosque, a mais famosa, onde você pode ver as famosas formações rochosas, tem 2.671 metros de extensão, o percurso tem a duração aproximada de 2 horas. Foi a trilha que mais nos impressionou com a beleza dos arenitos.

Trilha Furnas, de formato circular, você tem acesso ao mirante e as Furnas 1 e 2, tem extensão de 500 metros.

Trilha Lagoa Dourada, dá acesso a lagoa com águas limpas e transparentes. O percurso tem 400 metros e o tempo de percurso é de 40 minutos.

A visita ao Parque Estadual Vila Velha é definitivamente um passeio que vale a pena. As agências de turismo de Curitiba também oferecem o tour como um bate e volta e o valor varia entre R$ 150 a 200. Nós alugamos um carro e foi fácil chegar ao local. A empresa de ônibus Princesa dos Campos faz a rota Curitiba – Ponta Grossa e tem parada em frente à entrada do parque. O bilhete custa R$ 41,60. Para maiores informações sobre o parque ligue  (42) 3228-1138 ou clique aqui.

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você também pode “viajar” pelo Brasil conhecendo nosso  livro impresso 66 Brasil e sua versão digital 66 Belezas do Brasil.

DER PARK VON VILA VELHA

Die geologischen Denkmäler mit ihren Markierungen und Formen können uns viel über die Entwicklung der Erde, über die Prozesse, die sich auf unserem Planeten abspielten, erzählen und das liebe ich definitiv.

Erich und ich besuchen gerne Naturregionen, die durch ihre Formen und Farben über eine groβe Aussagekraft verfügen. Bei der Ausarbeitung unseres Buches 66 x Brasilien hatten wir das Vergnügen, unglaubliche Orte in unserem privilegierten Brasilien mit faszinierenden Landschaften zu sehen.

In diesem Blogpost werden wir die spektakuläre Schönheit des Vila Velha State Park im Bundesstaat Paraná beschreiben, verwaltet von dem Umweltinstitut von Paraná, in der Gemeinde Ponta Grossa, entlang der BR-376 Autobahn, km 515.

Diese Naturschutzeinheit ist 20 km vom Zentrum von Ponta Grossa und 94 km von Curitiba entfernt, was in etwa 1 Stunde und 15 Minuten mit dem Auto und 2 Stunden und 15 Minuten mit dem Bus entspricht.

Der Vila Velha State-Park umfasst eine Fläche von 3.222,11 Hektar und verfügt über eine Reihe von Felsformationen, natürlichen Skulpturen mit einer Höhe von bis zu 30 Metern, die verschiedenste Formen angenommen haben und  der populären Phantasie folgend entsprechende Namen bekommen haben wie z.B. die berühmte „Tasse“ aus Sandstein.

 

Zusätzlich zu diesen Formationen gibt es im Park die sogenannten Furnas, Vertiefungen, die wie Krater aussehen mit einem durchschnittlichen Durchmesser von 80 Metern.

Der erste wichtige Tipp für den Park ist es frühzeitig anzukommen, der Park öffnet um 8:00 und schließt schon um 15:30.

Während des Besuchs dieses Naturschutzparkes werden Sie die Landschaft, die unglaublichen Felsformationen,

die Flora

und Fauna betrachten können, sie können auch an Umwelterziehungsaktivitäten teilnehmen, die zuvor mit der Verwaltung des Parks jedoch geplant werden müssen; es existieren drei für die Öffentlichkeit zugängliche Wege, diese sind selbsterklärend aber die Anwesenheit eines Parkführers ist obligatorisch.

Wenn Sie im Park ankommen, sollten Sie zum Besucherzentrum gehen, wo sie allgemeine Informationen über den Besuch finden und wo Sie auch das Ticket kaufen können sowie ein informatives Video gezeigt wird.

Von dort aus werden die Besucher dann mit einem parkeigenen Fahrzeug vom Park zu den Sehenswürdigkeiten gefahren.

Die Wanderwege sind alle wie folgt von leichtem Schwierigkeitsgrad:

– Der Arenitos und Bosque Trail ist der berühmteste, man sieht all die berühmten Felsformationen, dieser ist 2.671 Meter lang, der Rundkurs dauert ungefähr 2 Stunden. Es war der Weg, der uns am meisten wegen der Schönheit der Sandsteinformationen beeindruckte.

– Beim Furnas Trail im Kreisformat haben Sie Zugang zu einem Aussichtspunkt und Sie sehen Furnas 1 und 2, seine Länge entspricht etwa 500 Metern.

– Der Trail Lagoa Dourada bietet den Zugang zur Lagune mit sauberem und transparentem Wasser. Die Route hier sind 400 Meter und Sie brauchen etwa 40 Minuten.

Ein Besuch des Vila Velha State Park ist auf jeden Fall einen Ausflug wert. Die Reisebüros in Curitiba bieten auch diese Tour an für ungefähr 150 bis 200 R$.

Wir mieteten ein Auto und der Park war leicht zu erreichen.

Die Busgesellschaft Princesa dos Campos fährt die Strecke Curitiba – Ponta Grossa und hält vor dem Parkeingang. Das Ticket kostet R $ 41,60. Für weitere Informationen über den Park rufen Sie unter der Nummer (42) 3228-1138 oder klicken Sie hier.

Hinweis: Falls Sie unserem Blog folgen möchten, dann klicken Sie einfach auf die Schaltfläche “folgen” in der unteren rechten Ecke dieser Seite. Sie können auch mittels unseres Buches   66 x Brasilien durch Brasilien reisen und so das Land kennenlernen.

THE STATE PARK OF VILA VELHA

The geological monuments with their markings and shapes can tell us a lot about the evolution of the earth, about the processes that took place on our planet, and I definitely love that.

Erich and I like to visit natural regions that have great expressiveness through their shapes and colors. In preparing our book 66 x Brazil we had the pleasure of seeing incredible places in our privileged Brazil with fascinating landscapes.

In this blogpost we will describe the spectacular beauty of Vila Velha State Park in the state of Paraná, managed by the Environmental Institute of Paraná in the municipality of Ponta Grossa, along the BR-376 motorway, km 515.

This natural protection unit is 20 km from the center of Ponta Grossa and 94 km from Curitiba, which is approximately 1 hour and 15 minutes by car and 2 hours and 15 minutes by bus.

Covering an area of 3,222,11 hectares, the Vila Velha State Park has a series of rock formations, natural sculptures of up to 30 meters in height, that have taken on a variety of forms, and have been given their names by popular fantasy such as: the famous “cup” of sandstone.

In addition to these formations are in the park  the so-called Furnas, depressions that look like craters with an average diameter of 80 meters.

The first important tip for the park is to arrive early, the park opens at 8:00 and closes already at 15:30.

Whilst visiting this nature reserve you will be able to view the landscape, the incredible rock formations,

the flora

and fauna, and participate in environmental education activities that must be planned beforehand with the management of the park; there are three public trails, these are self-explanatory but the presence of a park guide is mandatory.

When you arrive at the Park you should first go to the Visitor Center where you can find general information about the visit, where you can also buy the ticket and seeing an informative video.

From there visitors are then driven by a park-owned vehicle to the sights.

The trails are all of easy difficulty as follows:

– The Arenitos and Bosque Trail is the most famous, you can see all the famous rock formations, this one  is 2,671 meters long, the circuit takes about 2 hours. It was the path that impressed us most because of the beauty of the sandstone formations.

– The Furnas Trail in circular format gives you access to a lookout point and you can see the Furnas 1 and 2, the trail is about 500 meters long.

– The Lagoa Dourada Trail provides access to the lagoon with clean and transparent water. The route here is 400 meters and it takes you about 40 minutes.

A visit to the Vila Velha State Park is definitely worth a visit. The travel agencies in Curitiba also offer this tour for about R$ 150 to R$ 200.

We rented a car and like this the park was easy to get to.

The bus company Princesa dos Campos runs the route Curitiba – Ponta Grossa and stops in front of the park entrance. The ticket costs R$ 41.60. For more information about the park call (42) 3228-1138 or click here.

Note: If you want to follow our blog, just click on the “follow” button in the lower right corner of this page. You can also travel through Brazil using our book 66x Brazil to get to know the country.

 

 

 

10 ATRAÇÕES NO RIO GRANDE DO NORTE QUE VALEM A VISITA/10 BESUCHENWERTE SEHENSWÜRDIGKEITEN IN RIO GRANDE DO NORTE /10 ATTRACTIONS IN RIO GRANDE DO NORTE

O Rio Grande do Norte é um dos menores estados brasileiros (52.796,791 km2) localizado no nordeste do país, é onde o mapa do Brasil faz uma curva.

É pequeno, porém rico em belezas. Sou potiguar e cresci escutando todos falarem que o Rio Grande do Norte tem de mais belo é o seu litoral recheado de praias belas. Mas, acredito que tem muito mais…

Erich e eu visitamos os principais pontos de interesse do estado para captar imagens para o nosso Guia das Belezas do Rio Grande do Norte e resolvemos elencar 10 atrações norte-rio-grandenses que consideramos que valem a visita:

Estátua de Santa Rita de Cássia, localizada no Monte Carmelo, em Santa Cruz, tem 42 metros, é um local de peregrinação para os devotos da santa.

Castelo de Zé dos Montes, localizado na Serra da Tapuia, localizado a 17 km da sede do município de Sítio Novo. A construção tem linha curvas e “ares exóticos”.

Serra de São Bento, município de grande beleza, distante 109 km de Natal, é um destino recomendado para quem quer curtir um friozinho nos meses de junho e julho

O Rio Potengi, a cidade do Natal e o mar vistos a partir da Ponte Newton Navarro. Quando você avista esse conjunto, então é possível entender o porquê de se dizer que Natal tem uma localização privilegiada…

Praia do Madeiro, considero uma das praias mais belas do mundo (sem exagero), está localizada no município de Tibau do Sul, distante 72 km de Natal.

Galinhos, município situado a 166 km de distância de Natal, está localizado entre o rio e o mar, o que lhe confere um charme especial, além de possuir belas praias.

Lajedo de Soledade, é um dos mais importantes sítios arqueológicos do estado, está localizado em Soledade, distrito de Apodi, distante 420 km de Natal.

Dunas do Rosado é uma Área de Proteção Ambiental localizada nos municípios de Areia Branca e Porto do Mangue. A coloração das dunas é um espetáculo da natureza.

Cajueiro de Pirangi, considerado o maior do mundo, está localizado na Praia de Pirangi do Norte, no município de Parnamirim. A árvore realmente impressiona com seus muitos galhos que avançam pelas ruas ao seu redor.

Fortaleza dos Reis Magos, é o mais importante monumento do Rio Grande do Norte, foi construído pelos portugueses e tem a forma de uma estrela quando visto de cima. É um exemplar típico da arquitetura militar da época do Brasil Colônia de Portugal. Está localizado em Natal.

Para conhecer mais sobre o Rio Grande do Norte, clique aqui.

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página.

10 BESUCHENWERTE SEHENSWÜRDIGKEITEN IN RIO GRANDE DO NORTE  

Rio Grande do Norte (RN) ist eines der kleinsten brasilianischen Bundesländer mit etwa 53.000 km2 im Nordosten des Landes gelegen, dort wo die Landkarte von Brasilien eine so auffällige Kurve macht.

RN ist klein und doch sehr reich an Schönheiten. Ich bin ein Potiguar (Name für eine Person in RN geboren), ich wuchs hier auf und hörte jedem aufmerksam zu, der über die Schönheiten RNs sprach, seine Küste mit all den schönen Stränden.

Aber ich glaube, es gibt viel mehr …

Erich und ich besuchten die wichtigsten Sehenswürdigkeiten des Bundeslandes, um Bilder für unseren Reiseführer hierüber zu machen und wir haben beschlossen hier nun die 10 Attraktionen in Rio Grande do Norte aufzulisten, die wir für besuchenwert  erachten.

Die Statue von Santa Rita de Cassia, auf dem Berg Carmel in Santa Cruz, ist 42 Meter hoch, sie ist ein Wallfahrtsort für Verehrer der Heiligen Santa Rita.

Castelo de Zé dos Montes befindet sich in der Serra da Tapuia, 17 km vom Zentrum der Gemeinde Sítio Novo entfernt. Die Konstruktion offeriert viele geschwungene Linien und eine “exotische Atmospäre”.

Serra de São Bento, eine Gemeinde von großer bergiger Schönheit, 109 km von Natal entfernt, sie ist ein beliebtes Ziel für diejenigen, die in den Monaten Juni und Juli die erfrischende Bergluft genießen wollen.

Die Aussicht auf den Fluss Rio Potengi, Natal und das Meer  können am Besten von der Brücke Ponte Newton Navarro aus genossen werden. Wenn Sie dieses Set sehen, dann werden Sie verstehen können, warum es heißt, dass Natal über eine privilegierte Lage verfügt …

Der Strand Madeiro Beach, der wiederholt (ohne Übertreibung) zu einem der schönsten Strände der Welt zählt, liegt in der Gemeinde Tibau do Sul, 72 km von Natal entfernt.

Galinhos, eine Gemeinde 166 km von Natal entfernt, geniesst eine privilegierte Halbinsel-Lage zwischen einem Fluss und dem Meer, sowie über viele schöne Strände.

Lajedo de Soledade ist eine der wichtigsten archäologischen Stätten des Bundeslandes, dieser Fundort befindet sich in Soledade, einem Stadtteil von Apodi, 420 km von Natal entfernt.

Die Dünen Dunas do Rosado ist ein Umweltschutzgebiet in den Gemeinden Areia Branca und Porto do Mangue. Die Färbung der Dünen ist ein Naturschauspiel, spektakulär.

Der Baum Cajueiro de Pirangi gilt in seiner Ausdehnung als der größte der Welt gilt; er steht am Strand von Pirangi do Norte in der Gemeinde Parnamirim. Der Baum beeindruckt wirklich mit seinem ausgeprägten Ast- und Zweigwerk, sodass sogar die Straßen um ihn herumgeführt werden müssen.

Die Festung Fortaleza dos Reis Magos ist das wichtigste Denkmal von Rio Grande do Norte, sie wurde von den Portugiesen gebaut und hat von oben betrachtet die Form eines Sternes. Es ist ein typisches Beispiel für die Militärarchitektur der brasilianischen Kolonie von Portugal. Sie befindet sich an der Mündung des Rio Potengi in den Atlantik in Natal.

Um mehr über Rio Grande do Norte erfahren zu können klicken Sie hier.

Hinweis: Falls Sie uns auf dem Blog folgen wollen, dann klicken Sie unten rechts einfach auf “Weiter”, Sie werden dann zukünftig automatisch informiert.

10 ATTRACTIONS IN RIO GRANDE DO NORTE

Rio Grande do Norte (RN) is one of the smallest Brazilian states with about 53,000 km2 located in the northeast of the country, there where the map of Brazil makes such an eye-catching curve.

RN is small and yet very rich in beauties. I am a Potiguar (name for a person born in RN), I grew up here and listened attentively to everyone who spoke about the beauties of RN, its coast with all these beautiful beaches.

But I think there is much more …

Erich and I visited the main attractions of the state to make pictures for our travel guide about it and we have decided to list here the 10 attractions in Rio Grande do Norte, which we consider worth visiting.

The Statue of Santa Rita de Cassia on the Mount Carmel in Santa Cruz is 42 meters high, it is a sanctuary for devotees of Santa Rita.

Die Burg Castelo de Zé dos Montes is located in the Serra da Tapuia, 17 km from the center of Sítio Novo. The construction offers many curved lines and an “exotic atmosphere”.

Die Berge von Serra de São Bento is a municipality of great mountainous beauty, 109 km from Natal, it is a popular destination for those who want to enjoy the refreshing mountain air during the months of June and July.

The views of the Rio Potengi, Natal and the sea can best be enjoyed from the bridge Ponte Newton Navarro. If you see this set then you will understand why it is said Natal has a privileged location …

The beach Madeiro Beach, which is repeatedly (without exaggeration) one of the most beautiful beaches in the world, is located in the municipality Tibau do Sul, 72 km from Natal.

Galinhos, a municipality 166 km from Natal, enjoys a privileged peninsula position between a river and the sea as well as many beautiful beaches.

Lajedo de Soledade is one of the most important archaeological sites in the state, this locality is located in Soledade, a district of Apodi 420 km from Natal.

The dunes Dunas do Rosado is an environmental protection area in the municipalities of Areia Branca and Porto do Mangue. The coloring of the dunes is a natural spectacle.

The tree Cajueiro de Pirangi is considered in its extension as the largest in the world; it is standing on the beach of Pirangi do Norte in Parnamirim. The tree really impresses with its pronounced branches and density, so even the roads around it have to be guided.

The fortress Fortaleza dos Reis Magos is the most important monument of Rio Grande do Norte, it was built by the Portuguese and has the shape of a star from above. It is a typical example of the military architecture of the Brazilian colony of Portugal. It is located at the mouth of the Rio Potengi in the Atlantic Ocean in Natal.

To learn more about Rio Grande do Norte click here.

Note: If you want to follow our “Travels” on the blog, simply click on “Seguir” in the lower right corner, you will be then automatically informed in the future.