Minha experiência na obtenção do visto americano

Os Estados Unidos da América é um país rico em atrações turísticas diversificadas como atrativos naturais, cidades vibrantes, museus incríveis, além de tantas outras belezas que atraem milhões de brasileiros, entre eles eu. Para entrar nesse belo país, os brasileiros precisam obter um visto.

Famosa ponte em São Francisco
Famosa ponte em São Francisco
São Francisco
São Francisco

Hoje vou contar minha experiência sobre obter o visto para os Estados Unidos. O primeiro passo a ser dado é visitar o site da Embaixada e Consulados desse país no Brasil, onde parte das informações estão escritas em português, é um site interativo onde o sistema vai lhe conduzindo até chegar ao formulário para preenchimento dos dados, em inglês. Se você falar inglês, melhor ainda, caso contrário, você vai precisar do Google Tradutor ou de alguém que lhe ajude.

Nesse momento, recomendo que faça tudo com tranquilidade e honestidade. Depois de finalizado o preenchimento e paga a taxa (R$ 528,00 – U$ 160,00), o site vai lhe informar que você precisa agendar uma entrevista, coleta de digitais e captação de fotos. O site vai lhe fornecer uma página de confirmação, que significa que está confirmada a submissão da solicitação de um visto de não imigrante, no meu caso, um visto de turista. No próprio site, há um link que vai lhe direcionar para a página do Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto –  CASV onde você vai agendar a entrevista e a coleta de digitais e foto.

No meu caso, precisei ir à Recife, sede do Consulado que atende às pessoas da Região Nordeste do Brasil.

A entrevista e a captação de fotos acontecem em dois lugares diferentes. Há pessoas que preferem agendar tudo na mesma manhã. Sim, é possível, você agenda a visita ao CASV bem cedo e então há tempo para ir ao Consulado. No meu caso, como gosto de fazer tudo com tranquilidade, sei que Recife é uma cidade onde há congestionamentos e não conheço muito bem a cidade. Por isso decidi agendar em dois dias diferentes.

A primeira recomendação importante para essas duas ações é: se você agendou, por exemplo para as 10:15, não chegue às 9 horas. Não adianta, você vai ficar no sol, fora do prédio. Por isso, chegue com 15 minutos de antecedência mesmo, como está explicado na orientação do site. Quando cheguei no CASV, cedo, fiquei do lado de fora esperando com muitas outras pessoas. O funcionário chama os grupos de pessoas para cada horário. Aliás, os funcionários, brasileiros, são cordiais e educados. O processo de coleta de digitais e captação de fotos é bem rápido. A pessoa que me atendeu apenas me perguntou se eu já havia obtido outro visto no passado. Respondi que sim, mas há muito tempo atrás.

No dia seguinte, fui ao Consulado dos Estados Unidos para ser entrevistada. Como foi estava agendada para as 10:15 e eu sabia que não adiantava chegar muito antes, cheguei com meia hora de antecedência porque tinha trazido comigo a bagagem do hotel, pois de lá, já ia viajar de volta para Natal. Existe um posto de gasolina próximo do Consulado (passam três casas, não é vizinho) e lá existe uma loja de conveniência. Erich e eu ficamos lá, tomamos um café e quando faltava 5 minutos para as dez fui para o consulado. NÃO É PERMITIDO ENTRAR COM CELULAR, COM NENHUM EQUIPAMENTO ELETRÔNICO. Para facilitar minha entrada no consulado, levei apenas os documentos necessários e alguns suplementares numa pasta de plástico transparente. Fiquei poucos minutos numa fila e então fui orientada a entrar. Primeiro passei numa checagem eletrônica, como nos aeroportos. Depois, entrei na recepção e entreguei meu passaporte para uma funcionária simpática. Ela me orientou para sentar e aguardar ser chamada, ela ficou com meu passaporte. De vez em quando, um funcionário aparecia com alguns passaportes na mão e chamava uns três ou quatro nomes. Depois de alguns minutos, ele chamou meu nome. Fui orientada a ficar em uma fila no interior do prédio aguardando minha vez. Enquanto isso, fiquei assistindo um vídeo com dicas sobre a entrevista e também apresentando as belezas dos Estados Unidos. A fila andou rápido e chegou a minha vez. A entrevista é feita por um oficial americano, no meu caso, uma funcionária. Ela me perguntou rapidamente sobre os meus planos de viagem, onde eu trabalho e se eu tenho casa própria. Isso demorou uns 3 minutos, aproximadamente. Depois disso, ela disse: visto concedido. Eu agradeci e saí. O meu passaporte ficou lá e fui avisada que receberia depois de 10 dias. Foi tudo muito rápido e organizado. Dica importante para a entrevista: seja objetivo(a) com as respostas, não fale demais, responda exatamente o que lhe perguntarem e fale a verdade. Aliás, a verdade deve ser nossa companheira, sempre!

A minha conclusão sobre essa experiência é de que a obtenção de um visto para os Estados Unidos não é nada complicado, precisa-se de um pouco de tempo e tranquilidade.

Para saber a localização da Embaixada e dos Consulados no Brasil clique aqui e  solicitar seu visto, clique aqui.

Vista da prisão de Alcatraz a partir de uma ladeira em São Francisco
Vista da prisão de Alcatraz a partir de uma ladeira em São Francisco
Golden Gate
Golden Gate

Observação: se você quiser continuar “viajando” com o nosso blog, clique no botão “seguir” localizado no canto inferior direito dessa página. Você receberá um email com um link para confirmar a assinatura desse blog (não paga nada). Quando clicar no link, você será direcionado para uma página em inglês (essa página explica o procedimento no caso de você desejar um dia parar de seguir o blog). A partir daí, você já está “seguindo” o blog.

 

 

2 comentários em “Minha experiência na obtenção do visto americano”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s